Sala de imprensa

Empresas que implantam soluções de GRC de forma efetiva evitam perdas financeiras e reputacionais

By 22/01/2020 No Comments
Claudinei Elias, CEO da Bravo GRC

Sem tecnologia, é impossível ter um processo de Governança, Risco e Compliance integrado, eficiente e eficaz, que promova a transparência e a melhora da imagem das organizações

A imprensa publicou nos últimos meses uma série de artigos sobre empresas que, em algum momento, tiveram problemas com a falta de governança ou mesmo problemas apontados por auditores externos, sem esquecer também da ausência de gerenciamento de riscos. Mais que perdas financeiras altas, as falhas acabaram por gerar um risco reputacional alto, provocando desgastes na imagem das companhias.

A pergunta lógica é: o que ocorreu? Para a Bravo GRC, parceira para o Brasil e América Latina da BWise, da SAI Global, não contar com uma plataforma significa não evoluir e pode ser uma das razões que explicam os fatos noticiados.

“Hoje, sem tecnologia, é impossível ter um processo de GRC (Governança, Riscos e Compliance) integrado, eficiente e eficaz, que seja uma garantia de que a sua empresa está agindo corretamente, na hora certa e de forma transparente”, declara Claudinei Elias, CEO da Bravo GRC.

Fica clara aqui, segundo ele, a importância de se adotar nas empresas uma solução de GRC robusta. E quais seriam os principais benefícios de se contar com uma ferramenta e, também, com especialistas em Governança, Riscos e Compliance para implementar de forma efetiva a plataforma?

O COO & Principal of Innovation da Bravo GRC, Thiago Labliuk, usa uma analogia para explicar a importância de uma solução. “Vejo como um ótimo antivírus. Todos torcemos para que ele não encontre nada, mas nos sentimos mais confortáveis e seguros com ele ativo e operando”, aponta ele.

Um dos principais benefícios de contar com uma solução efetiva de GRC é ter sustentação para o estabelecimento de um processo de Change Management robusto, que envolva de forma incisiva o fator humano, considerando que as mudanças e a busca por eficiência trazem ótimos resultados para a empresa, os funcionários e a sociedade. A mudança promove a evolução e a reinvenção, considerando o fator humano, mas adotando a tecnologia como formato de trabalho e de otimização.

Maior transparência

Outro benefício latente é a possibilidade de promover maior transparência junto ao corpo operacional, com a construção de um plano de metas dos executivos atrelado a questões de compliance.

Uma ferramenta também auxilia na abordagem dos casos de fraudes internas ou externas, que geram perdas operacionais e drenam recursos, que poderiam estar sendo revertidos para a melhoria operacional e a maior transparência para a captação de novos investimentos de terceiros.

Companhias que hoje contam com uma ferramenta de GRC e com departamentos efetivos de compliance ainda desfrutam de um maior reconhecimento da sociedade. São vistas como éticas e responsáveis, pois patrocinam a independência de uma observância sobre qualquer tipo de conflito de interesse.

Essas organizações ainda conseguem obter identificação e engajamento interno na busca de eficiência, ganhado vantagem competitiva em momentos de crise operacional, legal ou reputacional, com planos de continuidade bem mapeados, mantendo a resiliência da operação. Isso aumenta a confiabilidade perante os clientes, os acionistas e a sociedade.

Fonte

Deixe um comentário